Tailândia / Bangkok

Bangkok é a capital da Tailândia, além de principal centro financeiro, comercial, cultural e histórico. Situada nas margens do Rio Chao Phraya, nas proximidades do Golfo da Tailândia, a cidade tem cerca de 8,2 milhões de habitantes e a área metropolitana uma população estimada de 14 milhões. Historicamente, Banguecoque está ligada a um pequeno posto de comércio no Reino Ayutthaya no século XV que cresceu em tamanho e se tornou o local de duas capitais: Thonburi em 1768 e Rattanakosin em 1782. Bangkok estava situada no centro do Reino de Sião (nome adotado pela Tailândia até 1939), sofrendo grande modernização durante o século XIX. A cidade cresceu rapidamente durante os anos 1960 até os anos 1980 e agora exerce um impacto significativo entre a política, economia, educação, meios de comunicação e sociedade moderna da Tailândia e do Sudeste Asiático.
Os altos investimentos económicos recebidos pelos novos tigres asiáticos na década de 1980 e 1990 resultou num grande número de empresas multinacionais sediadas regionalmente em Banguecoque. A cidade é hoje uma das principais forças regionais em finanças e negócios. Destaca-se pelo seu património arquitectónico e cultural, com numerosos templos, palácios, museus, teatros, bibliotecas e universidades.

Das principais atracções turísticas em Bangkok, destaca-se o Grand Palace, um enorme complexo de edifícios no centro da cidade que tem sido a residência oficial da família real desde 1782 (apesar de o actual Rei Rama IX viver no Palácio Chitralada), quando o primeiro rei da Dinastia Chakri, Rama I, deu ordem para a sua construção. Actualmente o complexo ocupa uma área com 218 mil km2. Neste complexo, o edifício mais procurado por visitantes é o Wat Phra Kaew (“wat” significa templo em tailandês), ou o Templo do Buda Esmeralda, construído em 1783 como uma capela para celebrar o exposto Buda de Esmeralda com 76 cm de altura. O outro edifício mais procurado é o Phra Thinang Chakri Maha Prasat, o palácio real cuja construção foi ordenada pelo Rei Rama V em 1876. Adjacente ao Grand palace fica o Wat Pho, o templo do Buda deitado. Depois de uma enorma imagem do Buda ter sido destruída em Ayutthaya, no templo Wat Phra Si Sanphet, pelos birmaneses em 1767, o Rei Rama I ordenou a construção deste templo. O Buda deitado, na posição do Nirvana, tem 15 metros de altura e 43 de comprimento. Outro templo budista famoso é o Wat Traimit que alberga o Golden Buddha (Phra Phuttha Maha Suwan Patimakon), uma estátua de ouro maciço de 5,5 toneladas, a maior do mundo. Estima-se que a estátua seja do século XIII ou XIV, tendo sido removida de Sukhothai para Ayutthaya em 1403. Em algum momento foi envolta em estuque para prevenir o roubo supostamente pelos birmaneses em 1767. Em 1801, o Rei Rama I ordenou que a estátua viesse para Bangkok, onde foi alojada finalmente neste templo em 1935. Mas só em 1954, a estátua de ouro foi acidentalmente descoberta debaixo do estuque. Este templo encontra-se em Chinatown que é baseada em Yaowarat road, local onde os chineses se estabeleceram 200 anos atrás para a construção do Grand Palace. Outro templo em destaque é o Wat Benchamabophit, o templo de mármore, cuja construção começou em 1899. Finalmente na margem ocidental do Rio Chao Phraya, tratada como outra cidade chamada Thonburi (chegou a ser capital do reino), fica o templo Wat Arun, que supostamente já existia antes da fundação de Bangkok, mas foi ampliado pelo Rei Rama II para os actuais 70 metros de altura, oferecendo uma excelente vista panorâmica da cidade.
Referindo agora as partes mais modernas da cidade, podemos destacar a zona de Silom Road, uma espécie de centro financeiro com os seus arranha-céus. Aqui fica também o mercado nocturno de Patpong que é também o coração da industria sexual de Bangkok. A zona de Siam Square oferece múltiplas opções de centros comerciais para compras, como o MBK. Daqui também se chega rapidamente a Bayoke Tower, o maior edifício da Tailândia com 304 metros e com uma excelente vista para a cidade. Nesta teia urbana e metrópole gigante é obrigatório referir os tuk-tuk que fazem a delícia dos turistas no transporte mais rápido pelo meio do trânsito congestionado. O cruzeiro de barco pelos canais de Thonburi também é um passeio obrigatório em Bangkok.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *