América

Costa Oeste EUA e Canadá

Estes dois países juntos formam verdadeiramente um continente e uma vida inteira não chegaria para os conhecer devidamente. No entanto, aos poucos é possível ir conhecendo partes deste território e uma delas é sobejamente apetecível, a costa do Pacífico que abrange os estados americanos da California, Oregon e Washiongton e a província canadiana de British Columbia. Esta viagem é uma autêntica “road trip” que começa em San Francisco e pode terminar em Vancouver mas com mais tempo disponível pode continuas para as montanhas rochosas em Banff no Canadá ou em Glacier nos Estados Unidos. Mas relembramos o nosso lema: não queira conhecer tudo de uma só vez, fique mais tempo em cada lugar e desfrute.

Explore a página dos E.U.A.

Explore a página do Canadá

O nosso itinerário recomenda pelo menos 3 semanas para percorrer a estrada de San Francisco a Vancouver. Resumidamente poderíamos dividir o percurso em uma semana para San Francisco e o norte da California com as suas florestas de sequóias gigantes e praias selvagens, outra semana para a costa do Oregon até Seattle e a última semana para a região do Puget Sound e Canadá. Pode ser retirado uns dois dias da segunda semana para conhecer o bonito parque de Yosemite. O itinerário mais simples proposto inclui:

  • 1 semana e meia no norte da California
  • 4 dias na costa do Oregon
  • 1 semana entre Seattle e Vancouver

San Francisco é conhecida por ser bastante acidentada e pelos famosos cable cars (eléctricos) que conquistam as colinas. North Beach é o bairro italiano que culmina na Coit Tower onde se tem uma maravilhosa vista panorâmica. A Chinatown mesmo no centro é a maior do mundo fora da China e começou a albergar os primeiros emigrantes chineses em 1850. O coração de Downtown inclui a zona comercial em redor de Union Square e Market Street por onde se pode atingir, no final da rua, o interior da Baía de S.Francisco no Embarcadero e avistar a ponte dupla San Francisco Bay Bridge que serve Oakland. O extremo norte da península de San Francisco inclui a animada zona de Fishermen’s Wharf com diversos cais transformados em animação urbana com muitos interesses culturais e de diversão. A famosa ponte Golden Gate garante a passagem para norte pela estrada nacional 101 que chega ao canto noroeste do país. A norte de San Francisco fica a região de vinhos Napa / Sonoma e mais a norte a incrível Avenue of the Giants, um troço da estrada 101 que exibe as mais altas árvores do mundo, as sequóias com mais de 100 metros de altura.

No Oregon, seguindo a costa, há praias com areais a perder de vista como Gold Beach ou Canon Beach e também o bonito Oregon Dunes National Recreational Area. Subindo para norte chega-se à maior cidade do estado Portland. Ali perto, o vulcão Mount Hood oferece uma visão majestosa e pode merecer uma visita mais de perto.

Seguindo para o estado de Washigton, o ideal é montar base na bonita cidade de Seattle que está literalmente rodeada de montanhas em todas as direcções, o Olympic National Park, Cascades National Park e o vulcão Mount Rainier. Qualquer um destes parques nacionais merecem uma visita havendo tempo disponível. Seattle também é um centro económico e cultural relevante no panorama nacional. A saída desta zona para a próxima etapa é sem dúvida apanhar um dos enormes ferry-boats que navegam o Puget Sound (uma grande baía interior com múltiplos canais entre ilhas) em direcção ao Canadá.

Chegando a Victoria, capital de British Columbia, quase que nos sentimos novamente na Europa. É uma cidade pitoresca com muitas tradições ainda do tempo do Império Britânico e com bonita arquitectura colonial. O edifício do parlamento da província é disso um exemplo. O próximo destino mais provável é Vancouver onde se pode chegar de autocarro (que usa ainda um ferry) e que é a terceira maior cidade canadiana cheia de encantos envolta de mar por todos os lados, montanhas e fiordes. É uma cidade magnífica.

Vancouver pode ser o fim desta fantástica viagem ou o ponto de partida para uma nova etapa consoante o tempo disponível. Se a opção for continuar, existem várias possibilidade difíceis de decidir, desde fazer um cruzeiro ao Alaska, apanhar o famoso comboio Rocky Mountaineer até Banff ou alugar um carro para fazer o mesmo percurso. Outra hipótese é voltar a Seattle, alugar um carro e explorar as montanhas rochosas de Idaho e Montana, particularmente o Glacier National Park.

Preço estimado

2700 € por pessoa em quarto duplo com pequeno-almoço, incluindo:

  • Voo intercontinental
  • 20 noites em alojamento
  • Aluguer de carro

Quando ir

Com excepção dos Invernos que são muito rigorosos no norte, qualquer altura do ano é boa para fazer esta viagem, sendo os Verões muito quentes podem permitir um mergulho numa praia do Pacífico ou num qualquer lago de um parque nacional.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *